Todos por alguns

O Fisco passará a cobrar as cotas em atraso devidas às ordens profissionais.

Quando os transportes de Lisboa e do Porto têm deficits quem os paga é o estado.

O que é que isto tem em comum?

Em ambos os casos temos o estado (portanto todos os contribuintes) a servir interesses particulares.

Não é compreensível que todos tenhamos que pagar para que os pançudos do Porto e Lisboa para ssam ter transportes rápidos e baratos enquanto um “cidadão” do interior tem, na melhor das hipóteses, uma camionete por dia!

Mas como o pessoal do interior não faz barulho, que se lixem…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a website or blog at WordPress.com

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: